ROTEIRO DA FÉ

 
     
  FREI GALVÃO  
     
     
 
 
 

Frei Galvão era procurado pelo seu alegado poder de curar doenças numa época em que os recursos médicos eram escassos. Numa dessas ocasiões, escreveu num pedaço de papel uma frase em latim do Ofício de Nossa Senhora ("Após o parto, permaneceste virgem: Ó Mãe de Deus, intercedei por nós"). Em seguida, enrolou o papel no formato de uma pílula e deu-o a uma jovem cujas fortes cólicas renais estavam colocando sua vida em risco. Depois que ela tomou a pílula a dor cessou imediatamente e ela expeliu uma grande quantidade de cálculo renal. Em outra ocasião, um homem pediu a Galvão que ajudasse sua esposa, que estava passando por um parto difícil. Galvão fez com que ela tomasse a pílula de papel, e a criança nasceu rapidamente, sem maiores complicações. A história das pílulas se espalhou rapidamente e Galvão teve que ensinar às irmãs do Recolhimento como fabricá-las, o que elas fazem até os dias de hoje. Elas são distribuídas gratuitamente para cerca de 300 fiéis diariamente.

 
     
 

Faleceu no dia 23 de dezembro de 1822 e sua fama de santo já estava espalhada por todo o Brasil. Foi sepultado com sua veste até o joelho,pois muitos fiéis queriam levar uma relíquia do santo.

 

Em 11 de maio de 2007 foi canonizado pelo Papa Bento XVI. É o primeiro santo nascido no Brasil.

 
     
     
 

Maiores informações

 

http://www.saofreigalvao.com/

 

http://www.arquidioceseaparecida.com.br/index.php/paroquias

 
     
 
 
 

 
Exibir mapa ampliado